Comando para Ignorar Faixa de Opções
Ir para o conteúdo principal

Santa Cruz

Notícias

Informações sobre o canal farma

 

  • De olho na do mercado movimentação farmacêutico

    ​Por Paulo Paiva

    O mercado farmacêutico brasileiro de medicamentos – vendas em farmácias – atingiu a cifra de R$ 70 bilhões no acumulado outubro/17 a setembro/18, apresentando um crescimento de 5,2% comparado ao mesmo intervalo de 2017. Em unidades, registrou venda de 5,6 bilhões, sendo esse um aumento de 5,1% em relação ao ano anterior.

    Nesse mesmo período, as farmácias Independentes, Associativismo, Deliveries e Média Redes foram os segmentos que tiveram expansão superior ao mercado com 5,2%, 8,9%, 29,7% e 5,3% de crescimento em R$ (reais) respectivamente.

    Em termos de categorias de produtos, em R$ (reais), os OTCs cresceram 7,6%, genéricos 12,2% e exclusivos (sem concorrentes) 21,9%, enquanto marca (produtos RX promovidos) teve uma ampliação, em R$ (reais), de 4,0%.

    As farmácias Independentes e Associativismos estão em franca expansão no Brasil, sendo que o Associativismo cresce acima do mercado em todos os segmentos de cidades (até 50 mil, de 50 a 300 mil e acima de 300 mil habitantes) e as Independentes crescem alinhadas com o mercado nos grupos até 50 mil e de 50 a 300 mil habitantes, e acima do mercado nas cidades com mais de 300 mil habitantes.

    Isso demonstra que esses grupos se adaptaram à nova dinâmica do mercado de competição e incrementaram seus processos de gestão o que lhes beneficiou no modelo competitivo do mercado farma brasileiro.

    O progresso do mercado total é muito favorecido pela inauguração de novos estabelecimentos, sendo que esse item responde por mais de 50% do crescimento total do mercado (mercado total do 5,2% do crescimento total em R$ desconto, 3,1% pontos percentuais são creditados a abertura de lojas), apontando que o mercado não está ampliando por expansão orgânica.

    Sob a ótica de mix, os principais segmentos (Redes, Independentes e Associativistas) trabalham hoje de maneira similar: marca (35%), não medicamentos (entre 21% e 28%), OTC (17% e 19%), genéricos (10% e 12%), trade (3% e 6%), o que mostra que atingimos uma distribuição das diversas categorias de produtos de forma equilibrada nos vários segmentos de varejo.

    Como projeção para 2019 temos que o mercado crescerá em R$ 6% e Unidades 7% o que nos entregará um mercado total de varejo ao final do ano de R$ 76 bi e Unidades 5,9 bi e, até 2022, expandirá para aproximadamente R$ 99 bi e unidades 7,2 bi.

    A seguir nessa dinâmica, as oportunidades para as lojas Independentes e Associativismos continuarão positivas, logicamente com o desafio da concorrência e controle de preços, simultâneo a indefinição do Programa Farmácia Popular.

    Existe um cenário de possível aumento das vendas online que serão capazes de incrementar essa concorrência para os consumidores que optarem por pagar um valor adicional por mais conveniência, já que poderão executar suas compras por internet ou telefone, mas para tanto, com um custo a mais.

    Not_SantaCruz_229_03.png 
     
     A prestação de serviço, atendimento, disponibilidade e preço são itens importantes na decisão do público pela aquisição em um ou outro estabelecimento e, assim, orientar-se adequadamente por meio das informações de mercado é uma ótica extremamente relevante para manutenção e defesa da performance atual. O distribuidor é um excelente parceiro nessa avaliação estratégica, pois dispõe de dados e pode trabalhar em conjunto com seus clientes na definição das melhores práticas de compras, gestão de estoques, mix e serviços, e esse deve ser um ponto forte de dedicação e apoio da farmácia Independente e Associativista, já que o distribuidor se configura em um grande parceiro para manutenção dos negócios.


    *Paulo Paiva

    Vice-presidente LATAM da Close-UP International. Possui mais de 16 anos em serviços de Consultoria e Estratégia para a Cadeia de Suprimentos Farmacêutica no Brasil – Indústria, Distribuição, Varejo e Hospitalar. Matemático pela USP com especialização em Gestão de Empreendimentos pela FGV.


    Revista SantaCruz

​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​
Página Inicial © Copyright 2008 - 2017 SantaCruz | Produzido por Addtech